Potemkine & Embryo

“Boa noite, vamos começar o programa de hoje com um legítimo represente do sub-gênero progressivo conhecido como zeuhl music… o grupo francês Potemkine.

foetus

Centrado em torno dos irmãos Charles, Giles, Philippe e Michel Goubin, o Potemkine foi um dos exemplos da poderosa influência do grande Magma de Christian Vander… que trouxe para a Terra o idioma kobaïano, de onde vem a palavra zeuhl, que significa “celestial” e é comumente usada para se referir a esse estilo musical, entre o prog rock e o jazz fusion, com mais alguns outros elementos para completar a alquimia…

Fugindo ao padrão de vocalizações elaboradas do Magma, o Potemkine preferiu uma abordagem instrumental, somente pontuada por momentos vocais… talvez por não dominarem completamente o idioma do planeta natal de Christian Vander… mas a sonoridade do grupo utiliza a mesma linguagem melódica, com climas teatrais dominados pela força da estrutura rítmica, sob os fraseados constantes de piano, violino e guitarra.

triton2

O primeiro álbum do grupo, “Foetus” de 1975, mostrava um som mais influenciado pela zeuhl music… mas, apesar de se voltar mais para as praias jazzísticas em seus trabalhos seguintes, o Potemkine nunca deixou de lado suas origens, continuando a se apresentar nos eventos promovidos por grupos como o Art Zoyd, o Masaik e o próprio Magma, para o qual eles abriram muitas vezes… até Charles Goubin deixar o nosso plano da realidade em um acidente em 1979… depois disso, eles não voltariam a gravar… e se separariam de vez em 1982…

Vocês ouviram com o Potemkine com “Hymne”, “Laure”, “Eiram” e “Rictus”, extraídas de seu álbum de extréia, “Foetus”, de 75, e também “Triton”, de 77.

A gente volta  já…

* * * * * * * * * * * * * * * * * * * * *

E agora vamos trazer um dos grandes precursores da tentativa de cruzar o rock com os estilos musicais das mais diferentes regiões do mundo, para criar uma música legitimamente internacional… o grupo alemão Embryo.

embryo

Fundado na cidade de Munique em 69, o Embryo começou com um som típico do kraut rock, mas com pitadas de jazz fusion que, desde seus primeiros trabalhos, já mostravam um desejo de introduzir elementos diferentes em sua sonoridade, com percussões ou linhas melódicas que rompiam com os padrões do rock, abrindo-se para toda sorte de influências… e eles fizeram disso a sua bandeira, chegando a embarcar em tours que nada tinham de convencional…

A primeira dessas excursões ocorreu depois do Embryo tocar nos Jogos Olímpicos de Munique em 72… uma viagem paga pelo Instituto Goethe para a África e Portugal… depois disso, eles não pararam mais, atravessando os continentes em caravanas que não eram para mostrar o seu som, mas sim para conhecer os sons de outros países… uma prática que acabou registrada no clássico filme “Vagabundenkarawane”, recentemente lançado em DVD…

Com uma carreira que atravessou muitas décadas, o Embryo teve centenas de membros de muitas nacionalidades, mas sempre foi centrado em torno do genial Christian Burchard, que chegou a chamar seu grupo de Embrião de uma Banda Mundial… e é claro os álbuns exploraram inúmeras vertentes étnicas e tradições musicais dentro do espírito das fusões jazzísticas… e eles continuam em plena atividade, às vésperas de completar 40 anos de carreira…

Vocês ouviram o Embryo com “Entrances” e “Dirge”… extraídas do seu 5º. Álbum… “Rocksession”, de 1973.

Art Rock fica por aqui… obrigado pela audiência, tenham uma boa noite e continuem com a Paraná Educativa… 97,1.
Visite o Blog do Art Rock em https://artrock.wordpress.com onde você pode fazer downloads do conteúdo do programa e deixar o seu recado.

Até a semana que vem.”

* * * * * * * * * * * * * * * * * * * * *

Set list:

POTEMKINE

BG – ASYLE

1.HYMNE – 2:03

2.LAURE – 4:37

3.EIRAM – 13:38

4.RICTUS – 4:48

BG – ZED

TOTAL – 25:06

EMBRYO

BG – WARM CANTO

5.ENTRANCES – 15:41

6.DIRGE – 9:43

BG – A PLACE TO GO

TOTAL: 25:24

GRAND TOTAL – 50:30

Ouça o Art Rock com Potemkine & Embryo, que foi ao ar no dia 02/11/2008, clicando aqui.

* * * * * * * * * * * * * * * * * * * * *

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

%d blogueiros gostam disto: