Arquivo de novembro, 2010

Bigelf

Posted in Programas with tags on 21/11/2010 by Artrock

“Boa noite, hoje teremos novamente no programa a presença da nossa querida Ana Barbara Vicentin, que administra o nosso blog em http://www.artrock.wordpress.com. e também nunca deixa de vir nos apresentar algum grupo genial… o que vai ser hoje, Ana Barbara?

Boa noite, no programa de hoje traremos um quarteto progressivo norte-americano… o Bigelf, que está ganhando uma boa visibilidade internacional depois de ser convidado pelo baterista Mike Portnoy para acompanhar a tour mais recente do grande Dream Theater… abrindo os shows da turnê sul-americana do começo de 2010, que incluíram apresentações nas principais cidades do Brasil, incluindo o Masterhall aqui em Curitiba.

No show, o grupo já chamou logo a atenção pelos instrumentos musicais antigos… incluindo um órgão e teclados de distorção… e também pela presença de palco, especialmente do vocalista e instrumentista Damon Fox, que além de cantar com uma vocalização forte, também “viajou” pela psicodelia… sem falar na sua cartola, que ele usou do inicio até o fim da apresentação.

O Bigelf traz um som que estava faltando na atualidade, fazendo uma mescla incrível do grande legado dos anos 70… lembrando nomes como Jetro Tull, Yes, King Krimson, Pink Floyd, Queen, Van Der Graaf Generator e Soft Machine, sem esquecer o lado mais pesado de Led Zeppelin, Black Sabbath, Deep Purple, Uriah Heep, Hawkwind e até Alice Cooper… mas tudo combinado em uma mistura original…

Vocês ouviram com Bigelf as faixas “Madhatter”, “Pain Killer”, “Falling Bombs”, “Carry the Load!” e “Bats in the Belfry I”… todas do seu terceiro álbum, “Hex”, de 2003.

O Art Rock volta já…

* * * * * * * * * * * * * * * * * * * * *

Estamos de volta com mais um pouco desse grande exemplo da nova geração progressiva norte-americana… o Bigelf.

A história do grupo remonta aos anos 90 do século passado… e eles lançaram em 96 o seu primeiro álbum, “Closer to Doom”, que já mostrava bem do que esses elfos eram capazes… ele foi seguido em 2000 por outro excelente trabalho: “Money Machine”… mas o álbum “Hex”, de 2003, não chegou a ser divulgado na época, acabando por ser relançado só em 2007 nos Estados Unidos.

A qualidade inquestionável do álbum “Hex” conseguiu ganhar aos poucos a exposição merecida para o Bigelf… com críticas positivas e elogios que começaram a levar o grupo a sair das trevas em direção ao reconhecimento… e em 2008 eles lançaram o excelente álbum “Cheat the Gallows”… que contou com uma produção impecável e faixas orquestradas, além de ser mais temático do que os primeiros trabalhos e evidenciar também o lado mais tétrico do grupo.

Em 2010, além das parcerias constantes com o Dream Theater, o Grande Elfo se apresentou em vários festivais dos Estados Unidos e na Europa… e também acompanhou a turnê do Porcupine Tree… uma agenda de shows bem concorrida para essa banda que cada dia conquista mais fãs entre os apreciadores do prog. rock ao redor do mundo… fiquem agora com um pouco do álbum “Cheat the Gallows”, com o Bigelf…

Vocês ouviram nesta segunda parte do programa, as faixas “Blackball”, “The Evils of Rock & Roll”, “Race with Time” e “Hydra” com o Big Elf…

O Art Rock fica por aqui… obrigado pela audiência, tenham uma boa noite e continuem na Paraná Educativa, 97,1… visite o nosso Blog em https://artrock.wordpress.com… que foi idealizado e é mantido aqui pela nossa querida amiga Ana Barbara Vicentin… que produziu e apresentou o programa de hoje… e a quem eu e o Beto agradecemos por tudo que fez pela gente nesses anos todos… até a semana que vem.”

* * * * * * * * * * * * * * * * * * * * *

BIGELF

BG – SUNSHINE SUICIDE

1.MADHATTER – 4:16

2.PAIN KILLER – 3:20

3.FALLING BOMBS – 4:58

4.CARRY THE LOAD! – 5:37

5.BATS IN THE BELFRY I – 7:43

BG – BLACK MOTH

TOTAL: 25: 54

BIGELF

BG – COUTING SHEEP

1.BLACKBALL – 7:03

2.THE EVILS OF ROCK & ROLL  – 6:37

3.RACE WITH TIME – 4:29

4.HYDRA – 6:23

BG – GRAVEST SHOW ON EARTH

TOTAL – 24:32

GRAND TOTAL – 50:26

Ouça o Art Rock com o Bigelf que foi ao ar no dia 17/10/2010, clicando aqui.

* * * * * * * * * * * * * * * * * * * * *

All This and World War II

Posted in Programas with tags on 21/11/2010 by Artrock

“Boa noite, no programa de hoje teremos uma raridade dos anos 70… um álbum que foi trilha de um filme que não foi muito bem sucedido… e que, hoje, só é lembrado pelos velhos roqueiros… “All This and World War II”…

A ideia desse documentário musical era utilizar imagens da época combinadas com músicas dos Beatles interpretadas por grandes nomes do rock… o resultado seria uma re-imaginação da II Guerra Mundial, misturando o impacto visual das filmagens do grande conflito e de filmes realizados sobre ele, com a carga poética e a mensagem pacifista da geração da década de 60…

Infelizmente, o projeto passou por muitas dificuldades, tendo sido originalmente oferecido ao grande Terry Gillian, do grupo Monty Python… mas acabando por ser dirigido por Susan Winslow e por ser lançado só em 1976, em meio à ascensão da disco-music nos Estados Unidos e do Furacão Punk na Inglaterra… no fim, o filme seria um fracasso de bilheteria e teria sido completamente esquecido, não fosse pela trilha sonora.

A trilha era para ser com faixas originais dos Beatles, mas em algum momento durante a produção foi decidido que seriam feitas versões com grandes nomes do rock, aproveitando para lançar um álbum duplo… e o resultado se tornaria um item de colecionador, com interpretações únicas dos clássicos dos Beatles e incluindo alguns momentos memoráveis…

Vocês ouviram o Ambrosia com “Magical Mystery Tour”, os Bee Gees com “Golden Slumbers/Carry that Weight”, Leo Sayer com “I am the Walrus”, Brian Ferry com “She’s leaving home”, Jeff Lynne com “With a little help from my friends” e Lindsay De Paul com “Because”…

A gente volta já.

* * * * * * * * * * * * * * * * * * * * *

E nós vamos continuar trazendo um pouco de “All This and World War II”… uma trilha sonora que não recebeu muitas reedições, nem mesmo em CD… e merece ser lembrada, pois tem alguns momentos antológicos…

Muitas figuras de peso participaram do projeto… como Rod Stewart, Elton John, Tina Turner e até o batera Keith Moon do grande The Who… sem esquecer a primeira gravação de Peter Gabriel depois que deixou o Genesis, uma versão para a faixa “Strawberry Fields Forever”… mas a intenção original foi perdida devido à pouca repercussão do filme, que ficou pouquíssimo tempo em cartaz.

No Brasil, ele recebeu o absurdo nome de “Alucinados do Som e da Guerra”… e também naufragou nas bilheterias… talvez devido ao abismo que existia até então entre as gerações, com os mais velhos sem entender (nem gostar) da trilha composta de musicas para jovens… e com estes sem ter suficiente interesse ou informação para compreender a colagem de imagens proposta por Susan Winslow.

Mesmo na era do CD, o álbum foi editado raras vezes, por isso continuaria a ser um trabalho pouco conhecido… e o filme então continua só como memória, pois chegou a ser lançado oficialmente na época das fitas VHS ou agora em DVD… um daqueles momentos quase esquecidos dos anos 70, quando o rock ainda era uma das poucas linguagens universais da música… e muitos tentavam explorar os limites da sua poética para expressar a realidade.

Vocês ouviram os Four Seasons com “We Can Work It Out”, Helen Reddy com “The Fool On The Hill”, The Bee Gees com “Sun King”, Status Quo com “Getting Better”, Leo Sayer com “Long And Winding Road”, Peter Gabriel com “Strawberry Fields Forever”, Frank Valli com “A Day In The Life” e Will Malone & Lou Reizner com “You Never Give Me Your Money”…

Art Rock fica por aqui, obrigado pela audiência, tenham uma boa noite e continuem na Paraná Educativa, 97,1… visite o Blog do Art Rock em https://artrock.wordpress.com… que é administrado pela nossa querida amiga Ana Barbara Vicentin… lá você pode fazer downloads do conteúdo do programa e deixar o seu recado… até a semana que vem.”

* * * * * * * * * * * * * * * * * * * * *

ALL THIS AND WWII

1.AMBROSIA – MAGICAL MYSTEY TOUR – 3:56

2.THE BEE GEES – GOLDEN SLUMBERS/CARRY THAT WEIGHT – 3:11

3.LEO SAYER – I AM THE WALRUS

4.BRIAN FERRY – SHE’S LEAVING HOME – 3:07

5.JEFF LYNNE – WITH A LITTLE HELP FROM MY FRIENDS/NOWHERE MAN

6.LINDSAY DE PAUL – BECAUSE – 3:27

TOTAL – 24:30

ALL THIS AND WWII

7.THE FOUR SEASONS – WE CAN WORK IT OUT – 2:41

8.HELEN REDDY – THE FOOL ON THE HILL – 3:39

9.THE BEE GEES – SUN KING – 2:09

10.STATUS QUO – GETTING BETTER – 2:23

11.LEO SAYER – LONG AND WINDING ROAD – 4:40

12.PETER GABRIEL – STRAWBERRY FIELDS FOREVER – 2:34

13.FRANK VALLI – A DAY IN THE LIFE – 4:06

14.WILL MALONE  LOU REIZNER – YOU NEVER GIVE ME YOUR MONEY – 3:05

TOTAL – 25:24

GRAND TOTAL – 49:54

Ouça o Art Rock com o All This and World War II que foi ao ar no dia 10/10/2010, clicando aqui.

* * * * * * * * * * * * * * * * * * * * *

Neil Young

Posted in Programas with tags on 11/11/2010 by Artrock

“Boa noite, hoje teremos um programa especial com uma das lendas vivas do rock and roll, que acabou de lançar outro grande disco… o indestrutível Neil Young.

Claro que não precisamos apresentar Neil Young… pois ele é presença obrigatória na discoteca de qualquer um que tenha mesmo um leve interesse em rock… seja o material que gravou com seus amigos Crosby, Stills & Nash, com o Buffallo Springfield ou nesses últimos quarenta anos da sua celebrada carreira solo… que foi do simplesmente brilhante ao totalmente genial… com raras exceções.

Neil estava na linha de frente da resistência contra os excessos do governo de George W. Bush… que levou os Estados Unidos de volta ao caminho do militarismo e do imperialismo… ele reuniu novamente o Crosby, Stills, Nash & Young para tours memoráveis em defesa de uma outra América, que tinha quase sido esquecida… e ainda conseguiu lançar álbuns clássicos e polêmicos como “Livin’with War” de 2006… que chegou a ser boicotado nas rádios conservadoras.

E agora, em plena era Obama, Neil Young mostra que continua o mesmo com o genial álbum “Le Noise”… ele mantém seu olhar de outsider… pois é um velho canadense, súdito de sua majestade britânica, que se tornaria uma das vozes mais conscientes do rock americano… e um de seus últimos legítimos poetas… para essa primeira parte do programa, nós selecionamos faixas de dois grandes trabalhos da fase mais recente da sua carreira…

Com Neil Young vocês ouviram “Be the rain” do ecológico álbum “Greendale” de 2003… e depois foi “Ordinary People”… do épico “Chrome Dreams II” de 2007.

A gente volta já.

* * * * * * * * * * * * * * * * * * * * *

E agora vamos trazer um pouco do novo álbum de Neil Young, que contou com a produção de Daniel Lanois… “Le Noise”.

Em mais essa mini obra-prima Neil Young está sozinho, deixando de lado a estrutura de uma banda de apoio para mergulhar em uma aventura de estúdio com a ajuda do mago Daniel Lanois… responsável pela produção de trabalhos clássicos desde os tempos em que produzia gente como Brian Eno, U-2 e Peter Gabriel, nos anos 80 e 90, incluindo uma colaboração genial em 97… o premiado álbum “Time out of mind” de Bob Dylan.

O nome “Le Noise” é um trocadilho com o próprio nome de Daniel Lanois, e mostra bem o impacto que a produção dele teve com Neil Young… o álbum não tem a força poética de “Chrome Dreams II”… e também não tem as longas faixas cheias de gemidos da guitarra do velho Neil… mas a sonoridade e a temática conservam o estilo que é típico dos seus melhores trabalhos.

E para mostrar que essa figura lendária do rock americano não está ficando para trás, o lançamento de “Le Noise” foi feito em todas as mídias possíveis… incluindo vídeos e formatos digitais para download… mas, se os meios de divulgação estão mudando, nem por isso a mensagem de Neil Young se esvaziou na mesmice, conservando a mesma pertinência de sempre… quem acha que ele envelheceu está muito enganado.

Vocês ouviram “Walk with me”, “Love and War”, “Hitchhiker” e “Peaceful Valley Boulevard”… com o grande Neil Young.
Art Rock fica por aqui, obrigado pela audiência, tenham uma boa noite e continuem na Paraná Educativa, 97,1… visite o Blog do Art Rock em https://artrock.wordpress.com… que é administrado pela nossa querida amiga Ana Barbara Vicentin… lá você pode fazer downloads do conteúdo do programa e deixar o seu recado…

Até a semana que vem.”

* * * * * * * * * * * * * * * * * * * * *

NEIL YOUNG

BG – SPIRIT ROAD

1. BE THE RAIN – 9:14

2. ORDINARY PEOPLE – 18:13

BG – BEAUTIFUL BLUE BIRD

TOTAL – 27:27

NEIL YOUNG

BG – ANGRY WORLD

3. WALK WITH ME – 4:26

4. LOVE AND WAR – 5:37

5. HITCHHIKER – 5:32

6. PEACEFUL VALLEY BOULEVARD – 7:10

BG – SIGN OF LOVE

TOTAL – 22:45

GRAND TOTAL – 50:12

Ouça o Art Rock com o Neil Young que foi ao ar no dia 03/10/2010, clicando aqui.

* * * * * * * * * * * * * * * * * * * * *

Mike Oldfield

Posted in Programas with tags on 03/11/2010 by Artrock

“Boa noite, hoje teremos no programa um dos músicos mais marcantes do progressivo dos anos 70… o multi-instrumentista Mike Oldfield…

Mike Oldfield dispensa apresentações, pois foi uma das grandes estrelas do progressivo dos anos 70, capaz de alcançar um grande sucesso de crítica e de público, mesmo com suas obras mais complexas… e que se manteve sempre em atividade, desde o lançamento do seu clássico álbum “Tubular Bells”… até seu mais recente trabalho… “Music of the Spheres”, de 2007… que foi relançado depois em uma edição especial dupla, incluindo um disco bônus gravado ao vivo em Bilbao.

Com uma carreira tão longa como a de Mike Oldfield, é inevitável que haja muitas fases diferentes, do seu período clássico à época em que chegou a ser classificado como new age ou às suas trilhas sonoras para cinema… sem deixar de lado trabalhos em que flertou com a música pop, algo que chegou a afastá-lo do seu público… mas que não seria uma mudança permanente, pois ele voltaria a enveredar por paisagens mais progressivas.

Seu álbum de estúdio de 2007 é uma prova disso… mas, nessa primeira parte do programa, vamos ouvir um pouco de um de seus melhores trabalhos, o álbum “Omadawn”, de 1975, que acabou de ganhar uma versão genial tripla, incluindo os mixes originais, faixas inéditas e até um DVD com extras… uma aquisição obrigatória para os fãs de Mike Oldfield, e do prog. rock em geral…

Com o Mike Oldfield, vocês ouviram “Omadawn (lost version)”, “First Excursion” e “Porstsmouth”.

A gente volta já…

* * * * * * * * * * * * * * * * * * * * *

E agora vamos trazer mais um pouco de Mike Oldfield, com um trabalho mais recente, o álbum sinfônico “Music of the Spheres”…

Lançado em 2007, esse registro de estúdio mostra um Mike Oldfield completamente reconciliado com a sua música, voltando às longas suítes com climas que não estariam deslocados em seus discos mais celebrados… uma tendência que ele já havia mostrado estar retomando desde os anos 90, quando lançou o primeiro de uma série de álbuns em que voltou a explorar os temas de “Tubular Bells”…

Muitos chegaram a criticar as suas releituras daquele que é um dos álbuns progressivos mais vendidos de todos os tempos, como uma simples investida comercial… mas, embora as gravadoras tenham dado muito destaque aos álbuns “Tubular Bells II” e “III”… a verdade é que eles representam uma parte muito pequena da produção de Mike Oldfield na década de 90, em que esteve muito ativo dentro e fora do estúdio…

Em “Music of the Spheres”, ele contou com a colaboração da soprano neozelandesa Hayley Wetenra, do pianista chinês Lang Lang e também do veterano Karl Jenkins, do Soft Machine… além é claro dos 50 integrantes da Sinfonia Sfera Orchestra… e o resultado foi um dos mais bem sucedidos álbuns de Mike Oldfield… que nós selecionamos para essa segunda parte do programa de hoje.

Com Mike Oldfield vocês ouviram a primeira parte da suíte “Music of the Spheres”, que compõe o seu álbum do mesmo nome, lançado originalmente em 2007…

Art Rock fica por aqui, obrigado pela audiência, tenham uma boa noite e continuem na Paraná Educativa, 97,1… visite o Blog do Art Rock em https://artrock.wordpress.com… que é administrado pela nossa querida amiga Ana Barbara Vicentin… lá você pode fazer downloads do conteúdo do programa e deixar o seu recado…

Até a semana que vem.”

* * * * * * * * * * * * * * * * * * * * *

MIKE OLDFIELD

BG – OMADAWN (PART TWO)

1.    OMADAWN (LOST VERSION) 17:10

2.    FIRST EXCURSION – 5:55

3.    PORTSMOUTH – 2:01

BG – ARGIERS

TOTAL – 25:06

MIKE OLDFIELD

BG – MUSICA UNIVERSALIS

4.    MUSIC OF THE SPHERES (PART ONE) – 24:20

BG – HARMONIA MUNDI

TOTAL: 25:12

GRAND TOTAL – 50:18

Ouça o Art Rock com o Mike Oldfield que foi ao ar no dia 26/09/2010, clicando aqui.

* * * * * * * * * * * * * * * * * * * * *