Solaris & Marco Antônio Araújo

“Boa noite, vamos abrir o programa de hoje prestando a justa homenagem a um dos gênios literários do séc. XX, o grande Ray Bradbury, que passou além do nexus transdimensional e, a essa altura, já deve estar desvendando os segredos do Universo.

 

A obra de Ray Bradbury influenciou muitos, sendo levada ao cinema em clássicos como “Fahrenheit 451”, dirigido por François Truffaut, ou ainda “The Illustrated Man” de Jack Smight… também foi levado à televisão e, é claro, ao mundo do rock… onde ele foi lembrado por muitos grupos até mesmo em capas, como no álbum “Somewhere in time” do Iron Maiden, em que seu nome aparece junto de outros igualmente ligados ao planeta Marte.

E é um pouco dessa sua ligação com o Planeta Vermelho, que nós vamos celebrar, trazendo o genial grupo húngaro Solaris, com aquele que é um dos seus discos mais famosos, o álbum “Marsbéli Krónikák”… isto é, “As Crônicas Marcianas”, inspirado no trabalho homônimo de Ray Bradbury, uma coletânea de histórias que narra a aventura da colonização de Marte.

No livro, Bradbury narra desde o fim da civilização marciana e a chegada dos primeiros colonos terráqueos até o momento em que eles próprios podem fitar seu reflexo nos canais de Marte e declarar que agora: “os marcianos somos nós”… vamos homenagear esse poeta da ficção científica com o som dos mestres húngaros do Solaris.

Com o Solaris, vocês ouviram a suíte “Marsbéli Krónikák”… as “Crônicas Marcianas”… uma homenagem do nosso programa a Ray Bradbury, para quem a nossa realidade era insípida demais.

A gente volta já…

* * * * * * * * * * * * * * * * * * * * *

E agora vamos atender a pedidos e voltar a trazer no programa uma das lendas da música progressiva nacional… o genial Marco Antônio Araújo.

 

Nascido em Belo Horizonte em 1949, Marco Antônio Araújo havia participado da banda Vox Populi em 68, chegando a gravar um compacto antes de passar uns tempos na Inglaterra, onde tomaria contato com os grandes grupos do começo dos anos 70… e, ao voltar, ele se dedicou ao estudo de composição, violão clássico e violoncelo… ele também começou a trabalhar como compositor e, em 77, entraria para a Orquestra Sinfônica de Minas Gerais.

Mas ele também formaria um grupo, tocando com o seu irmão, o também guitarrista Alexandre Araújo e desenvolvendo uma música requintada, que mesclava estilos e formas, mas mantinha uma sonoridade progressiva… e ela se cristalizou em 1980 no álbum “Influências”, seguido em 82 por outro brilhante trabalho “Quando a Sorte te Solta um Cisne na Noite”… que teve uma ótima repercussão no cenário progressivo nacional…

E isso continuaria depois do lançamento de “Entre um Silêncio e Outro”, em 1983… mas, depois do álbum “Lucas”, lançado no ano seguinte, a carreira de Marco Antônio Araújo se encerraria muito antes da hora… ele deixou o nosso plano da realidade em 6 de janeiro de 1986, devido à um aneurisma cerebral… vamos ouvir um pouco desse grande músico, com faixas do seu álbum de estreia… “Influências”.

Você ouviram Marco Antônio Araújo, com “Panorâmica”, “Influências” e “Folk Song”…

O Art Rock fica por aqui… o programa teve a produção de Vidal Costa e de Beto Bittencourt, a apresentação de Vidal Costa e a edição de Abílio Henrique… obrigado pela audiência e continuem na É Paraná, 97.1… visite o nosso Blog em https://artrock.wordpress.com… que foi idealizado e é administrado pela nossa querida amiga Ana Barbara Vicentin… lá você pode fazer downloads do conteúdo do programa e também deixar o seu recado… até a semana que vem.”

* * * * * * * * * * * * * * * * * * * * *

SOLARIS

BG – APOKALIPSZIS

1. MARSBÉLI KRÓNIKÁK (Parts I to VI)– 23:22

BG – SOLARIS

TOTAL – 23:22

MARCO ANTÔNIO ARAÚJO

BG – ABERTURA NO.2

2. PANORÂMICA – 10:07

3. INFLUÊNCIAS – 6:26

4. FOLK SONG – 10:36

BG – CANTARES

TOTAL – 27:09

GRAND TOTAL – 50:31

Ouça o Art Rock com o Solaris & Marco Antônio Araújo que foi ao ar no dia 30/06/2012, clicando aqui.

* * * * * * * * * * * * * * * * * * * * *

Anúncios

2 Respostas to “Solaris & Marco Antônio Araújo”

  1. welber lima Says:

    obrigado aqui quem vos fala é welber. saudades de Marco Antonio Araujo. Grande musico.

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

%d blogueiros gostam disto: