Arquivo para outubro, 2012

Alice Cooper & Lacrimosa

Posted in Programas with tags , on 28/10/2012 by Artrock

“Boa noite, hoje vamos trazer no programa um pouco do lado mais sombrio do rock… para entrar no clima do Halloween que se aproxima…

E vamos começar com o indefectível Vincent Furnier… mais conhecido pelo seu nome de guerra… Alice Cooper… que dispensa maiores apresentações, pois se mantém como uma das figuras mais emblemáticas do chamado “rock horror”… e continua em plena atividade, depois de mais de quatro décadas de uma carreira em que nos ofereceu uma viajem singular por um mundo de imagens estranhas, que iam do burlesco ao bizarro…

Desde que adotou a identidade da bruxa Alice Cooper… essa figura se tornou uma referência do macabro no rock, misturando uma forte carga visual, com recursos teatrais e cinematográficos… e isso era bem visível em seu clássico álbum “Welcome to my nightmare” de 75, um trabalho conceitual em que ele nos conduz pelos pesadelos do garoto Steven… um de seus mais duradouros personagens.

A tia Alice voltaria a nos falar de Steven em outro disco conceitual… “The last temptation” de 94, feito em parceria com o genial Neil Gaiman… e em 2011 ele surpreenderia com o álbum “Welcome 2 my nightmare”, uma continuação direta do primeiro… contando com a participação de Dennis Dunaway, Neal Smith e Michael Bruce, todos membros originais do grupo de Alice Cooper, além do piano e da produção do genial Bob Ezrin, responsável pelos seus melhores trabalhos…

Vocês ouviram Alice Cooper com “I am made of you”, “The Nightmare returns”, “Last man on Earth”, “The congregation”, “I’ll bite your face off”, “Underture” e “We gotta get out of this place”… uma cover genial grupo The Animals.

A gente volta já…

* * * * * * * * * * * * * * * * * * * * *

E agora vamos trazer uma dupla gótica que pertence a uma categoria à parte no rock contemporâneo, o grupo germânico Lacrimosa.

O grupo surgiu em 89, desenvolvendo uma sonoridade em que convergem elementos da música sinfônica, do rock pesado gótico e do prog. rock, em um conjunto centrado nas figuras de Tilo Wolff e da finlandesa Anne Nurmi… ambos contribuindo com vocais que vão do solene ao sombrio… e com o restante da formação sendo formada sempre por músicos convidados pertencentes tanto ao mundo da música erudita quanto ao do rock pesado.

O nome do grupo foi inspirado na famosa passagem do Réquiem de Mozart… uma escolha que já anunciava suas intenções… as influências clássicas já os levaram a gravar trabalhos com orquestras como as Sinfônicas de Londres e de Barmbeker… e em seus álbuns eles já contaram com a participação de centenas de músicos nos arranjos orquestrais…

Tendo se mudado para a Suíça, o Lacrimosa mantém uma posição de destaque no cenário gótico… seu mais recente trabalho foi o álbum “Revolution” de 2012… e, como sempre, a ilustração da capa é da autoria do próprio Tilo Wolff, responsável também pela estética visual que sempre acompanhou o grupo… mas, para o programa de hoje nós selecionamos material extraído de “Echos” de 2003 e de “Lichgestalt” de 2005…

Vocês ouviram “Durch nacht und flut”, “Apart”, “Malina” e “My last goodbye”, com o Lacrimosa…

O Art Rock fica por aqui… o programa teve a produção de Vidal Costa e de Beto Bittencourt, a apresentação de Vidal Costa e a edição de Abílio Henrique… obrigado pela audiência e continuem na É Paraná, 97.1… visite o nosso Blog em https://artrock.wordpress.com… que foi idealizado e é administrado pela nossa querida amiga Ana Barbara Vicentin Volpão… lá você pode fazer downloads do conteúdo do programa e também deixar o seu recado… tenham um bom Halloween e até a semana que vem.”

* * * * * * * * * * * * * * * * * * * * *

ALICE COOPER

BG – A RUNNAWAY TRAIN

1. I AM MADE OF YOU – 5:32

2. THE NIGHTMARE RETURNS – 1:16

3. LAST MAN ON EARTH – 3:47

4. THE CONGREGATION – 3:59

5. I’LL BITE YOUR FACE OFF – 4:26

6. THE UNDERTURE – 4:37

7. WE GOTTA GET OUT OF THIS PLACE – 3:09

BG – I GOT GET OUT OF HERE

TOTAL – 26:44

LACRIMOSA

BG – KELCH DER LIEBE

1. DURCH NACHT UND FLUT – 6:05

2. APART – 4:19

3. MALINA – 4:50

4. MY LAST GOODBYE – 8:11

BG – SAPHIRE

TOTAL – 23:25

TOTAL GERAL – 50:09

Ouça o Art Rock com o Alice Cooper & Lacrimosa que foi ao ar no dia 27/10/2012, clicando aqui.

* * * * * * * * * * * * * * * * * * * * *

Anúncios

Premiata Forneria Marconi

Posted in Programas with tags on 22/10/2012 by Artrock

“Boa noite, hoje teremos no programa um pouco da fase mais recente do grande Premiata Forneria Marconi… o decano progressivo da Itália.

O genial PFM dispensa apresentações, pois é uma verdadeira lenda do prog. rock europeu… e, além disso, continua em plena atividade, mais de 40 anos depois de seu nascimento, mostrando toda a sua vitalidade… e também a sobrevivência do seu estilo na linguagem musical da Itália… país que foi responsável por uma geração de grandes grupos, que marcou época durante os anos setenta.

Mas foi em meados da década de 60 que o Premiata começou a tomar forma… usando ainda outros nomes como I Quelli e The Krel… esse último inspirado no clássico da ficção científica “O Planeta Proibido”… e realmente o som deles parecia saído de outro planeta naquela época, em meio aos sucessos de Peppino di Capri e Rita Pavone, que eram então as forças dominantes da música italiana…

Mas, no programa de hoje, não vamos trazer a sonoridade das origens do velho Premiata… em vez disso, selecionamos dois trabalhos marcantes que eles fizeram depois do seu retorno em 97 com o álbum conceitual “Ulisse”… primeiro vocês ficam com um pouco do excelente “Serendipity”, lançado no ano 2000… um trabalho que mostrava que o PFM estava realmente de volta e em plena forma…

Vocês ouviram o Premiata Forneria Marconi com “La Rivoluzione”, “K.N.A. (Kaleidoscope Neutronic Accelerator)”, “Automaticamente”, “La Quiete che Verra”, “Polvere” e “Exit”.

A gente volta já…

* * * * * * * * * * * * * * * * * * * * *

Vamos continuar trazendo mais Premiata Forneria Marconi, que está longe da aposentadoria, com lançamentos e apresentações frequentes…

O grupo havia se separado depois do álbum “Miss Baker” de 1987… e, na época, parecia que eles seriam outro grande nome do rock que cairia no anonimato… mas a era do CD e depois a ascensão da internet permitiram uma redescoberta de sonoridades que as grandes gravadoras preferiam ver esquecidas, pois não satisfaziam seus interesses mercadológicos.

E a volta do PFM não ficou apenas em alguns apresentações ao vivo, resgatando o seu legado para uma nova geração de ouvintes… ao contrário, o grupo investiu em retomar sua produção criativa, com novos álbuns de estúdio e explorando outras possibilidades musicais… como no celebrado “La Buona Novella”, uma regravação do clássico trabalho do músico e poeta Fabrizio de Andre, que havia colaborado com o Premiata no final dos anos 70…

O mais recente lançamento do grupo é a box-set “Celebration 1972-2012”, que reúne 3 CDs, marcando os 40 anos dos dois primeiros discos do Premiata Forneria Marconi… “Storia di un minuto” e “Per um amico”, ambos de 1972… mas para fechar o programa de hoje nós selecionamos outro belo trabalho conceitual… a opera rock “Dracula” de 2005.

Vocês ouviram o PFM com “Il confine dell’amore”, “Non è um incubo è realtà”, “Il mio nome è Dracula”, “Il castelo dei perchè” e “Terra Madre”.

O Art Rock fica por aqui… o programa teve a produção de Vidal Costa e de Beto Bittencourt, a apresentação de Vidal Costa e a edição de Abílio Henrique… obrigado pela audiência e continuem na É Paraná, 97.1… visite o nosso Blog em https://artrock.wordpress.com… que foi idealizado e é administrado pela nossa querida amiga Ana Barbara Vicentin… lá você pode fazer downloads do conteúdo do programa e também deixar o seu recado… até a semana que vem.”

* * * * * * * * * * * * * * * * * * * * *

PFM

BG – DOMO DOZO

1. LA RIVOLUZIONE – 3:55

2. K.N.A. – 4:50

3. AUTOMATICAMENTE – 4:27

4. LA QUIETE CHE VERRA – 4:56

5. POLVERE – 5:05

6. EXIT – 2:27

BG – NUVOLE NERE

TOTAL – 25:39

PFM

BG – OUVERTURE

1. IL CONFINE DELL’AMORE – 1:14

2. NON È UN INCUBO È REALTÀ – 5:39

3. IL MIO NOME È DRACULA – 7:17

4. IL CASTELO DEI PERCHÈ – 4:03

5. TERRA MADRE – 6:17

BG – UN DESTINO DI RONDINE

TOTAL – 23:48

TOTAL GERAL – 50:07

Ouça o Art Rock com o Premiata Forneria Marconi que foi ao ar no dia 20/10/2012, clicando aqui.

* * * * * * * * * * * * * * * * * * * * *

Acidente & Alma Sonora

Posted in Produto Nacional, Programas with tags on 15/10/2012 by Artrock

“Boa noite, no programa de hoje vamos ouvir dois grupos nacionais que estão na briga há muito tempo, investindo em suas propostas diante de todas as dificuldades.

Vamos começar com o Acidente, um veterano do rock nacional, fundado em 78 como um grupo de punk rock, mas que acabaria embarcando em uma longa viagem progressiva graças ao seu tecladista, Paulo Malária… no começo o som era bem diferente, com um rock mais direto e sem elaborações… e essa fase durou até 87, sempre no cenário underground, chegando a lançar 3 álbuns antes de encerrar atividades.

Mas, em 1989, Paulo Malária resolveu ressuscitar o Acidente… e agora com uma sonoridade totalmente diferente, investindo forte em um rock instrumental e progressivo… foi dessa época o álbum “Em caso de Acidente… Quebre este Disco” e o grupo, a partir de então, se firmaria no cenário do prog. nacional, lançando vários trabalhos independentes e chegando a obter alguma repercussão internacional, com o lançamento do álbum “Technorlogy” pela Musea, em 2002.

Felizmente, o Acidente se manteve firme apesar de novas dificuldades, voltando em 2012 com o álbum “Ainda”… depois de 5 anos de silêncio… o resultado é um trabalho que mostra toda a força e a vitalidade dessa grande banda que, como eles mesmo dizem: ninguém conhece mas todos já ouviram falar… e se vocês só tinham ouvido falar, então vão conhecer aqui no Art Rock, fiquem com um pouco desse novo disco de um dos pilares da resistência progressiva…

Vocês ouviram o Acidente com “6 6 11”, “Elsewhere”, “Só eu sei”, “7 quedas” e “Gravidade”… todas faixas do álbum “Ainda” de 2012.

A gente volta já.

* * * * * * * * * * * * * * * * * * * * *

E agora vamos ouvir um grupo curitibano que surgiu nos anos 90 com uma proposta que inclui até elementos de MPB na sua sonoridade… o Alma Sonora.

Formado em 96, o grupo surgiu quando André Luiz Dias (violão e vocais), Douglas Thá Jr. (guitarra) e Saulo Albach (baixo) resolveram tentar um projeto juntos… eles já se conheciam de suas participações no Festival Espírita e Encontro da Canção de Franca, em São Paulo… e, depois de algum tempo, a ideia tomou forma com a entrada de Alexandre Azuma para a percussão e Daniel Nocera para os teclados.

Em 99 eles seriam escolhidos como Banda Revelação do Festival Jovens Talentos do Paraná… e o seu disco de estréia, “Alma Sonora”, saíria em 2000… seguido de novas apresentações e premiações em festivais de música nos anos seguintes… em 2007, Léo Cerqueira assumira a bateria e eles lançariam um novo álbum, sendo depois convidados para participar da trilha do filme “Bezerra de Menezes” dos cineastas Glauber Filho e Joe Pimental, com o ator Carlos Vereza…

Mas, apesar da boa repercussão, o Alma Sonora não é daqueles grupos com uma carreira de lançamentos constantes, mantendo um ritmo próprio… só em janeiro de 2012 eles anunciaram que estavam iniciando a gravação de um terceiro trabalho… e enquanto isso, para o programa de hoje, nós selecionamos faixas extraídas do álbum “Alma Sonora”, o primeiro registro do grupo.

Com o Alma Sonora vocês ouviram “O que vai além”, “Pensamento Sideral”, “Verdade ou Mito”, “Crianças de Kosovo”, “O tempo e a distância” e “Girassóis azuis”.

O Art Rock fica por aqui… o programa teve a produção de Vidal Costa e de Beto Bittencourt, a apresentação de Vidal Costa e a edição de Abílio Henrique… obrigado pela audiência e continuem na É Paraná, 97.1… visite o nosso Blog em https://artrock.wordpress.com… que foi idealizado e é administrado pela nossa querida amiga Ana Barbara Vicentin… lá você pode fazer downloads do conteúdo do programa e também deixar o seu recado… até a semana que vem.”

* * * * * * * * * * * * * * * * * * * * *

ACIDENTE

BG – MALA DE INFLUÊNCIAS

1. 6 6 11 (SIX SIX ELEVEN) – 4:42

2. ELSEWHERE – 9:36

3. SÓ EU SEI – 3:27

4. 7 QUEDAS – 3:32

5. GRAVIDADE – 5:22

BG – LET’S PLAY

TOTAL – 26:30

ALMA SONORA

BG – EM OUTRA DIMENSÃO

1. O QUE VAI ALÉM – 3:22

2. PENSAMENTO SIDERAL – 5:37

3. VERDADE OU MITO – 4:11

4. CRIANÇAS DE KOSOVO – 3:46

5. O TEMPO E A DISTÂNCIA – 3:22

6. GIRASSÓIS AZUIS – 3:30

BG – ALMAS CLARAS

TOTAL – 23:48

TOTAL GERAL – 50:18

Ouça o Art Rock com o Acidente & Alma Sonora que foi ao ar no dia 13/10/2012, clicando aqui.

* * * * * * * * * * * * * * * * * * * * *

Van der Graaf Generator

Posted in Programas with tags on 08/10/2012 by Artrock

“Boa noite, no programa de hoje teremos o prazer de trazer um novo trabalho de uma das lendas do rock progressivo… o incomparável Van der Graaf Generator!

Claro que não precisamos apresentar o grande Van der Graaf, pois é um grupo que já trouxemos várias vezes em nosso programa… um veterano dos primórdios da era progressiva, que transcendia linguagens a tal ponto que até John Lydon se declarou um fã… isso quando ele ainda era conhecido como Johnny Rotten, e liderava o furacão punk do Sex Pistols…

Não é todo dia que um dos grandes grupos do prog. rock dos anos 70 resolve lançar um novo trabalho, e o Van der Graaf foi além… com um álbum duplo ao vivo e mais um de estúdio, mostrando que continua em plena forma… tanto na sua performance como na criatividade.

Em seus trabalhos mais recentes, o Van der Graaf mostrou que conserva a sua sonoridade tensa, dominada pela presença inconfundível de Peter Hammill… e vamos começar com o triplo ao vivo “Real Time”, que foi lançado em 2007, mas registra uma apresentação do grupo no Royal Festival Hall logo depois da sua volta, em 2005.

Vocês ouviram o Van der Graaf Generator com “Every bloody emperor”, “Refugees” e “Killer”…

A gente volta já.

* * * * * * * * * * * * * * * * * * * * *

E nós vamos continuar trazendo o grande Van der Graaf Generator, agora com um pouco do seu mais recente duplo ao vivo: “Live at Metropolis Studios”…

Desde a saída do saxofonista David Jackson, em 2006, o Van der Graaf continuou como um trio… mas, além do genial Peter Hammill na guitarra, teclados e vocais… os dois outros integrantes são também membros da formação clássica do grupo… o baixista e organista Hugh Banton e o baterista Guy Evans… e a força desses talentos é a responsável pela vitalidade dessa lenda do prog. inglês.

O retorno em 2005 surpreendeu pelo impacto do álbum “Present”, em que Hammill destilava seu desprezo pelos poderosos e pelo recrudescimento dos imperialismos na esteira do 11 de setembro e das guerras desvairadas do presidente Bush e do seu vassalo britânico, o primeiro-ministro Tony Blair… mas, embora a fase mais aguda desse triste começo do século XXI tenha passado, o Van der Graaf continuou firme.

Em 2012 o Van der Graaf lançaria mais o álbum de estúdio, “Alt”… mas, além disso, também surpreenderiam os fãs com mais um álbum ao vivo… “Live at Metropolis Studios”… que foi gravado em 2010 e saiu em uma edição especial, com dois CDs e um DVD… e é um pouco desse trabalho que nós selecionamos para fechar o programa de hoje…

Vocês ouviram o Van der Graaf Generator com “Interference patterns”, “Nutter alert”, “Your time starts now”, e “Man-erg”…

O Art Rock fica por aqui… o programa teve a produção de Vidal Costa e de Beto Bittencourt, a apresentação de Vidal Costa e a edição de Abílio Henrique… obrigado pela audiência e continuem na É Paraná, 97.1… visite o nosso Blog em https://artrock.wordpress.com… que foi idealizado e é administrado pela nossa querida amiga Ana Barbara Vicentin… lá você pode fazer downloads do conteúdo do programa e também deixar o seu recado… até a semana que vem.”

* * * * * * * * * * * * * * * * * * * * *

VAN DER GRAAF GENERATOR

BG – THE SLEEPWALKERS

1. EVERY BLOODY EMPEROR – 7:36

2. REFUGEES – 6:01

3. KILLER – 9:54

BG – (IN THE) BLACK ROOM

TOTAL – 23:31

VAN DER GRAAF GENERATOR

BG – MR SANDS

1. INTERFERENCE PATTERNS – 4:22

2. NUTTER ALERT – 5:35

3. YOUR TIME STARTS NOW – 4:25

4. MAN-ERG – 11:52

BG – WE ARE NOT HERE

TOTAL – 26:13

TOTAL GERAL – 49:44

Ouça o Art Rock com o Van der Graaf Generator que foi ao ar no dia 06/10/2012, clicando aqui.

* * * * * * * * * * * * * * * * * * * * *

Bo Hansson & Kaipa

Posted in Programas with tags , on 02/10/2012 by Artrock

“Boa noite, hoje vamos ouvir um pouco do progressivo sueco, começando com um dos grandes tecladistas dos anos 70… que foi responsável por trabalhos memoráveis, ainda que hoje não seja tão lembrado como deveria.


Estamos nos referindo a Bo Hansson, que começou sua carreira no final dos anos 50, trabalhando com grupos de jazz, até formar o seu próprio grupo… The Merrymen… que chegou a ser banda de apoio das tours dos Rolling Stones pela Suécia nos anos 60… mas seria só depois de formar o duo Hansson & Karlsson em 67 que ele começaria a chamar a atenção no cenário do rock sueco, chegando a lançar 3 álbuns até 69.


Ele não era conhecido fora da Suécia, mas isso mudaria depois do seu primeiro álbum solo em 1970… o disco foi tão bem sucedido que acabaria saindo na Inglaterra em 72 pela Charisma Records, transformando Bo Hansson em um sucesso internacional… e tudo isso porque ele tinha afanado uma cópia de “O Senhor dos Anéis” da sua namorada, acabando por usar o livro de Tolkien para inspirar o seu trabalho de estreia.

Bo Hansson teria  outros grandes trabalhos nos anos seguintes pelo selo Charisma… mas, infelizmente, ele não voltaria a repetir o sucesso de “Music Inspired by Lord of the Rings”… nos anos 80 ele desapareceria do cenário do prog. rock, sendo redescoberto só muito tempo depois,  quando seus álbuns foram relançados em CD… ele deixou o nosso plano da realidade em 2010 e nós selecionamos faixas do seu primeiro álbum solo e também de “El-ahrairah”, também conhecido como “Music Inspired By Watership Down”, de 76… que foi baseado na saga de fantasia escrita por Richard Adams.

Vocês ouviram Bo Hansson com “Lothlorien”, “The Grey Havens” e “Migration”…

A gente volta já.

* * * * * * * * * * * * * * * * * * * * *

E agora vamos ouvir outro grande nome do progressivo sueco… um grupo lendário que continua em plena atividade, com mais de 35 anos de carreira… o Kaipa.

Originalmente chamado Ura Kaipa, o grupo foi fundado pelo tecladista Hans Lundin e pelo baixista Tomas Eriksson… depois tarde recebendo o reforço do genial guitarrista Roine Stolt… que contribuiria para o desenvolvimento da sua sonoridade, marcada por um prog. sinfônico que faria escola na Suécia, tornando-os um dos grupos mais importantes do rock sueco dos anos 70.


Esse impacto já podia ser percebido no álbum “Kaipa” de 75, mas eles continuariam a gravar com frequência, mesmo depois que Stolt saiu em 79 para formar o Fantasia… que ele manteria até os anos 80, passando uns tempos como músico de estúdio e depois retornando ao prog. rock com o grande Flower Kings e, mais recentemente, o Transatlantic…

O Kaipa acabaria se separando em 82, mas voltaria no ano 2000, quando Hans Lundin e Roine Stolt se reencontraram, lançando “Notes from the Past”, o primeiro de 3 álbuns excelentes… e o grupo continuaria firme depois de 2005, quando Stolt saiu novamente para cuidar de seus outros projetos, sendo substituído pelo guitarrista Per Nilsson… vamos ouvir um pouco do mais recente trabalho do Kaipa, o álbum “Vittjar”, que saiu agora em 2012.

Com o Kaipa vocês ouviram “First Distraction”, “A universe of Tinyness”, “The Crowned Hillsides” e “Second Distraction”.

O Art Rock fica por aqui… o programa teve a produção de Vidal Costa e de Beto Bittencourt, a apresentação de Vidal Costa e a edição de Abílio Henrique… obrigado pela audiência e continuem na É Paraná, 97.1… visite o nosso Blog em https://artrock.wordpress.com… que foi idealizado e é administrado pela nossa querida amiga Ana Barbara Vicentin… lá você pode fazer downloads do conteúdo do programa e também deixar o seu recado… até a semana que vem.”

* * * * * * * * * * * * * * * * * * * * *

BO HANSSON

BG – AT THE HOUSE OF ELROND & THE RIONG GOES SOUTH

1. LOTHLORIEN – 4:01

2. THE GREY HAVENS – 5:08

3. MIGRATION – 16:34

BG – THE ESCAPE

TOTAL – 25:43

KAIPA

BG – LIGHTBLUE AND GREEN

1. FIRST DISTRACTION – 3:02

2. A UNIVERSE OF TINYNESS – 7:24

3. THE CROWNED HILLSIDES – 10:33

4. SECOND DISTRACTION – 2:20

BG – TREASURE HOUSE

TOTAL – 23:19

TOTAL GERAL – 49:02

Ouça o Art Rock com o Bo Hansson & Kaipa que foi ao ar no dia 29/09/2012, clicando aqui.

* * * * * * * * * * * * * * * * * * * * *