Frame & Epidaurus

“Boa noite, hoje faremos nossa costumeira passagem pelo progressivo alemão, fonte inesgotável de grupos com grande criatividade, mas pouco reconhecimento… e cujos raros trabalhos hoje só podem ser encontrados no universo dos blogs especializados…

1

E nós vamos começar pelo grupo Frame, que lançaria em 1972 o seu primeiro e único álbum… “Frame of mind”, um trabalho centrado em torno do diálogo entre a guitarra e vocais de Andy Kirnberger (ex-Pell Mell) e o órgão hammond de Cherry Hochdorfer… e o resultado era uma sonoridade densa, cheia de riffs e climas de teclados, com pitadas de heavy-prog…

O álbum contava com a produção do grande Dieter Dierks, um dos maiores produtores de rock alemão… mas, apesar da qualidade, passou despercebido em meio ao cenário musical da época, em parte pelas condições do próprio mercado, que estava saturado pela grande quantidade de grupos explorando as veredas progressivas…

O Frame se separaria pouco depois… mas Cherry Hochdorfer e o baterista Wolfgang Claus, se reencontrariam anos mais tarde no álbum “Only a Star” do primeiro grupo de Andy, o Pell Mell… mas esse som fica para outro programa, agora vamos ouvir um pouco do álbum “Frame of mind”, um fragmento quase perdido do prog. rock germânico…

Você ouviram “Frame of mind”, “All I really want explain”, “If” e “Winter”, com o Frame…

A gente volta já.

* * * * * * * * * * * * * * * * * * * * *

E voltamos com um outro exemplo do progressivo alemão, agora da segunda metade dos anos 70… o Epidaurus.

2

Formado em 76, o Epidaurus tirou o seu nome de uma cidade da Grécia, e era centrado em torno da dupla de tecladistas Günther Henne e Gerd Linke… e eles praticamente dispensavam as guitarras em meio a uma paisagem sonora de órgãos, moogs e mellotrons, combinados com os vocais de Christiane Wand…

Em 77 eles lançariam o seu primeiro álbum, “Earthly Paradise”… um belo trabalho que lembra em momentos o Renaissance, principalmente pelas vocalizações “etéreas” de Christiane… mas o grupo acabaria se separando e seus integrantes se dedicariam a outros projetos como o Choice e o Herne 3, entre outros…

3

Só nos anos 90 eles seriam procurados por um selo progressivo que tinha interesse em relançar “Earthly Paradise”… e isso acabou motivando uma reunião, que renderia o álbum “Endangered”… ele não lembrava muito o seu primeiro trabalho e seria ignorado… mas no nosso programa nós não praticamos a indiferença… confiram um pouco desses dois únicos registros do Epidaurus…

Com o Epidaurus vocês ouviram “Action and Reaction”, “Wings of the Dove”, “Andas” e “Tonight”.

O Art Rock fica por aqui… o programa tem a produção de Vidal Costa e de Beto Bittencourt, a apresentação de Vidal Costa e a edição de Abílio Henrique… obrigado pela audiência e continuem na É Paraná, 97.1… visite o Blog do Art Rock em https://artrock.wordpress.com… ele foi idealizado e é administrado pela nossa querida amiga Ana Barbara Vicentin Volpão… lá você pode fazer downloads do conteúdo do programa e também deixar o seu recado… até a semana que vem.

* * * * * * * * * * * * * * * * * * * * *

FRAME

BG – CRUSICAL SCENE

1. FRAME OF MIND – 4:14

2. ALL I REALLY WANT EXPLAIN – 11:22

3. IF – 5:12

4. WINTER – 5:41

BG – PENNY FOR AN OLD GUY

TOTAL – 26:28

OZRIC TENTACLES

BG – MITTERNACHSTRAUM

5. ACTION AND REACTION – 7:01

6. WINGS OF THE DOVE – 5:08

7. ANDAS – 6:20

8. TONIGHT – 6:16

BG – TINKER OR TAYLOR

TOTAL: 24:25

TOTAL GERAL – 50:53

Ouça o Art Rock com Frame & Epidaurus que foi ao ar no dia 13/06/2015, clicando aqui.

* * * * * * * * * * * * * * * * * * * * *

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

%d blogueiros gostam disto: