Hawkwind & Motorhead (Tributo ao Lemmy)

“Boa noite, hoje começamos o programa com a faixa “Iron Horse/Born to Loose” do Motörhead, para lembrar o grande Lemmy Kilmister… e também é claro o baterista Phil “Philty Animal” Taylor… duas figuras únicas que atravessaram a barreira do hiperespaço no final de 2015 e nos deixaram para trás nessa insipida realidade.

1 Motorhead - Motorhead

A bateria furiosa de Phil Taylor vai fazer falta… Lemmy, no entanto, era um caso à parte: para muitos, ele era a quintessência do heavy metal… mas o rock pesado nasceu das distorções e explorações da era psicodélica dos anos 60… e Ian Fraser Kilmister começou nessa época tocando outros tipos de som… acabando por se firmar primeiro em um dos grupos mais viajantes do rock inglês, o lendário Hawkind.

2 Hawkwind – Doremi Fasol Latido

Já trouxemos esse decano do space rock e do progressivo muitas vezes no programa, mas claro que não poderíamos deixar de trazê-lo mais uma vez, agora para lembrar esse baixista visceral que começou a criar a sua mística nos memoráveis duelos com o guitarrista e vocalista Dave Brock, com quem dividia uma relação quase telepática no palco…

Lemmy entrou para o Hawkwind em 72, substituindo o baixista Dave Anderson (ex-Amon Düll II)… e o mais curioso é que ele nem sabia disso, pois na época ele tocava guitarra e era isso que ele achava que ia fazer no grupo… no fim, ele aprendeu a tocar baixo na marra, e o mundo do rock nunca mais seria o mesmo… vamos conferir um pouco desse tempo em que Mr. Kilmister usava calça boca de sino e camisa cacharrel.

3 Hawkwind - Hall Of The Mountain Grill

Com o Hawkwind vocês ouviram “Silver Machine”, “Brainstorm” e “Lost Johnny”… extraídas dos álbuns “Doremi Fasol Latido” de 72 e “Hall of the Mountain Grill” de 74.

A gente volta já…

* * * * * * * * * * * * * * * * * * * * *

E nós vamos continuar homenageando o grande Lemmy Kilmister, trazendo mais um pouco do genial Hawkwind, na época em que ele ainda era o seu furioso baixista.

4 Hawkwind - Warrior On The Edge Of Time

Certa vez Lemmy explicou que, como era guitarrista e não tinha noção de como tocar um baixo, ele simplesmente saiu tocando do mesmo modo que faria com uma guitarra… mas a sua sorte é que ele estava no Hawkwind e Dave Brock, em vez de ficar chocado, o encorajou… e o resultado foi que ele acabou reinventado a maneira de tocar esse instrumento… algo que ele chegou a chamar de deep guitar style.

O baixo usado como instrumento de frente, dialogando com a guitarra de Brock, criava uma trama hipnótica nas faixas espaciais e demolidora nas mais pesadas… uma sonoridade única… que Lemmy iria desenvolver depois de ter sido expulso e forçado a fundar, em 75, o seu próprio grupo, com o nome tirado de uma de suas últimas composições para o Hawkwind.

6 Motorhead - 1916

O Motörhead se tornaria uma das forças que ajudariam a dar forma ao rock pesado nas décadas seguintes, ao mesmo tempo em Lemmy se convertia em um ícone… simbolizando um mundo onde cores e sons se confundem na colagem cheia de excessos que é o rock and roll… o Hawkwind também seguiria esse caminho, onde está até hoje… fiquem com faixas do seu álbum “Warrior on the Edge of Time” de 75.

Vocês ouviram o Hawkwind com “Assault and Battery, Part I”, “The Golden Void, Part II”, “Magnu” e “Motorhead”…

O Art Rock fica por aqui… o programa tem a produção de Vidal Costa e de Beto Bittencourt, a apresentação de Vidal Costa e a edição de Abílio Henrique… obrigado pela audiência e continuem na É Paraná, 97.1… visite o Blog do Art Rock em https://artrock.wordpress.com… ele foi idealizado e é administrado pela nossa querida amiga Ana Barbara Vicentin Volpão… lá você pode fazer downloads do conteúdo do programa e também deixar o seu recado… vamos fechar o programa com a faixa título do álbum “1916” do Motörhead, um lamento apropriado para o insubstituível Lemmy Kilmister… que ele tenha uma boa viagem… e para vocês, uma boa noite e até a semana que vem.”

Lemmy 1

Lemmy 2

* * * * * * * * * * * * * * * * * * * * *

ABERTURA: MOTÖRHEAD – IRON HORSE – 5:19

HAWKWIND

BG – LORD OF LIGHT (SINGLE VERSION)

1. SILVER MACHINE (SINGLE VERSION) – 4:40

2. BRAINSTORM – 11:33

3. LOST JOHNNY – 3:30

BG – THE PSYCHEDELIC WARLORDS (SINGLE VERSION)

TOTAL – 25:02

HAWKWIND

BG – SPIRAL GALAXY 28948

5. ASSAULT AND BATTERY, PART I – 5:34

6. THE GOLDEN VOID, PART II – 4:37

7. MAGNU – 8:22

8. MORTORHEAD – 3:13

BG – THE DEMENTED MAN

ENCERRAMENTO: MOTÖRHEAD – 1916 – 3:44

TOTAL: 25:30

TOTAL GERAL – 50:32

Ouça o Art Rock com Hawkwind & Motorhead (Tributo ao  Lemmy) que foi ao ar no dia 09/01/2016, clicando aqui.

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

%d blogueiros gostam disto: