King Crimson

Boa noite, hoje teremos um programa com um dos pilares do rock progressivo… um gigante que esteve no Brasil em 2019…

Estamos nos referindo ao grande King Crimson… um dos fundadores da linguagem progressiva… que continua entre nós e ainda sob a liderança do guitarrista Robert Fripp, sempre reunindo formações diferentes, em que músicos entram e saem, mas permanece viva uma identidade única que nunca fez concessões à efêmera promessa do sucesso fácil, preferindo manter sua integridade musical.

Para um fã de rock progressivo, o King Crimson é uma presença constante, que se estende pelas décadas desde o seu surgimento no final dos anos 60… um grupo que sempre se reinventa e volta a impressionar com trabalhos e performances brilhantes em qualquer de suas muitas encarnações… mesmo que sua fama nunca tenha sido resultado do volume de vendas de seus álbuns.

E esse até é um dos motivos pela surpresa do anúncio de sua vinda para o Rock in Rio de 2019… mas essa presença improvável abrilhantou o Palco Sunset, em uma apresentação de uma hora no dia 6 de outubro, bem menor do que os seus shows costumeiros, mas como sempre sem ceder em seus princípios… no entanto, como ainda não conseguimos um bootleg desse show único, vamos trazer faixas de um dos melhores álbuns ao vivo com a formação atual do grupo… “Live in Vienna” de 2017.

Com o King Crimson vocês ouviram “Pictures of a City”, “The Court of the Crimson King”, “Sailor’s Tale” e “Peace”.

A gente volta já.

* * * * * * * * * * * * * * * * * * * * *

E nós vamos continuar homenageando a visita da realeza progressiva do King Crimson, que faria uma outra apresentação antológica no Brasil em 2019… no Espaço das Américas, em São Paulo, na sexta feira, dia 4 de outubro.

Ao contrário de quem deixou para ver somente o show no Rock in Rio dois dias depois, o publico da apresentação em São Paulo pôde apreciar um show completo do King Crimson, com mais de duas horas de duração e dividido em duas partes, com vinte minutos de pausa entre os sets… esse foi o primeiro show do grupo no Brasil, depois de 50 anos de carreira, e a resposta do público foi à altura dessa longa espera.

Como Bill Rieflin não pôde participar como tecladista da tour comemorativa dos 50 anos do grupo, a formação deixou de ser o “Duplo Quarteto” para retomar o formato que ficou conhecido como a “Besta de 7 Cabeças”, contando, além de Robert Fripp, com o sax de Mel Collins, o baixo de Tony Levin, a guitarra e vocal de Michael “Jakko” Jakszyk, e o trio de bateristas: Pat Mastelotto, Gavin Harrison e Jeremy Stacey.

Essa versão do grupo surgiu em 2013, a partir do projeto Jakszyk Fripp Collins, que chegou a lançar em 2011 o álbum “A Scarcity of Miracles”… na época, Fripp tinha até anunciado que estava se aposentando, mas depois declarou que não tinha dado certo, pois andava muito feliz e isso o incomodava… desde o retorno com essa formação estendida, o King Crimson vem registrando com frequência suas performances, e vamos fechar trazendo mais um pouco do triplo ao vivo de 2017, “Live in Vienna”.

Vocês ouviram “Easy Money”, “Red”, “Meltdown” e “Heroes”, com o King Crimson.

O Art Rock fica por aqui, o programa foi criado por Vidal Costa e Beto Bittencourt, a produção e a apresentação são de Vidal Costa e a edição de Abílio Henrique… obrigado pela audiência e continuem na Paraná Educativa, 97.1… visite o nosso Blog em https://artrock.wordpress.com, ele foi idealizado e é administrado pela nossa querida amiga Ana Barbara Vicentin, lá você poderá fazer downloads do conteúdo do programa e também deixar o seu recado… tenham uma boa noite e até a semana que vem.

* * * * * * * * * * * * * * * * * * * * *

KING CRIMSON

BG – SUITABLE GROUNDS FOR THE BLUES

1. PICTURES OF A CITY – 8:37

2. THE COURT OF THE CRIMSON KING – 7:15

3. SAILOR’S TALE – 6:14

4. PEACE – 1:51

BG – RADICAL ACTION II

TOTAL – 23:57

KING CRIMSON

BG – EPITAPH

5. EASY MONEY – 10:04

6. RED – 6:38

7. MELTDOWN – 4:12

8. HEROES – 5:20

BG – STARLESS

TOTAL: 26:14

TOTAL GERAL – 50:11

Ouça o Art Rock com King Crimson foi ao ar no dia 12/10/2019, clicando aqui.

Uma resposta to “King Crimson”

  1. André Tramujas Says:

    Grande Vidal! Foi incrível! Quem viu, viu… não creio haverá outra chance…

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s

%d blogueiros gostam disto: