Arquivo para Robert Fripp

Daryl Hall & Robert Fripp

Posted in Programas with tags , on 13/06/2017 by Artrock

“Boa noite, hoje vamos começar o programa trazendo um nome que normalmente não é associado ao rock progressivo, o vocalista americano Daryl Hall, que é muito mais conhecido pela sua bem sucedida dupla com o guitarrista John Oates. Nascido na Pennsylvania em 46, Daryl Franklin Hohl começou sua carreira no grupo vocal The Temptones, quando ainda estava estudando música na Temple University, na Philadelphia… e foi lá que ele fez amizade com John William Oates, mas eles só voltariam a se encontrar mais tarde, pois Daryl deixou os estudos em 68 e entrou para o grupo Gulliver, que chegou a lançar um álbum pela Elektra Records.

Depois que se reencontraram em 1970 eles formariam uma dupla, lançando em 72 o álbum “Whole Oats”, sem muitas pretenções… mas aquele seria o começo de uma brilhante carreira na música pop e Daryl Hall & John Oates se tornariam uma das mais bem sucedidas duplas da história, com mais de 40 milhões de discos vendidos, muito antes de existirem CDs ou mp3s.

Mas Daryl Hall queria ir além da pop music e, em 77, juntou forças com ninguém menos que Robert Fripp para produzir um trabalho solo que ainda contaria com a presença do baixo de Tony Levin, dos teclados de Brian Eno e das baterias de Jerry Marotta e Phill Collins… o resultado seria o álbum “Sacred Songs”, em que Hall ainda explorava o seu lado místico, com letras que faziam referência à sua ligação com a Ordo Templi Orientis e seus estudos de Aleister Crowley e da Lei de Thelema.

Vocês ouviram Daryl Hall e Robert Fripp com “Babs and Babs”, “Urban landscape”, “NYCNY”, “Survive” e “Without Tears”.

A gente volta já…

* * * * * * * * * * * * * * * * * * * * *

E agora nós vamos trazer o outro lado da improvável colaboração entre Daryl Hall e Robert Fripp… o álbum “Exposure”, que Fripp lançou em 79.

Depois que terminaram o álbum “Sacred Songs”, em 77, Hall e Fripp chegaram a pensar em formar um grupo, mas o que não esperavam era que a RCA se recusasse a lançar o disco, sob a alegação de que ele “não era comercial”… Hall seguiria lançando trabalhos com John Oates e Fripp continuaria com outras colaborações brilhantes, que renderiam grandes trabalhos como o segundo álbum solo de Peter Gabriel, de 78.

O disco de Gabriel era para ser a 2ª parte da uma trilogia iniciada com “Sacred Songs” e que Fripp pretendia concluir com o seu álbum solo, “Exposure”, onde levou adiante a colaboração com Daryl Hall e explorou ainda mais os limites da música pop como veículo de expressão, contando com os mesmo músicos convidados e mais alguns extras: Peter Hammill, Narada Michael Walden, Terre Roche e Peter Gabriel…

Na verdade Fripp nunca deixaria de lado essa exploração em particular, pois lançaria versões diferentes do álbum “Exposure”, incluindo mais faixas, mudando a mixagem e colocando como bônus as partes vocais gravadas originalmente, que tinham mais participações de Daryl Hall… e no fim, o álbum “Sacred Songs”, que era o primeiro da trilogia, acabou saindo por último, pois só foi lançado em 1980, mais de um ano depois de “Exposure”, que saiu em janeiro de 79.

Vocês ouviram Robert Fripp e Daryl Hall com “Preface”, “You burn me up I’m a cigarette”, “Breathless”, “Northstar”, “Chicago”, “Disengage II”, “New York, New York, New York”, “Exposure” e “Mary”…

O Art Rock fica por aqui… o programa teve a produção de Vidal Costa e de Beto Bittencourt, a apresentação de Vidal Costa e a edição de Reinaldo Vilas Boas… obrigado pela audiência e continuem na É Paraná, 97.1… visite o nosso Blog em https://artrock.wordpress.com que foi idealizado e é administrado pela nossa querida amiga Ana Barbara Vicentin, lá você poderá fazer downloads do conteúdo do programa e também deixar o seu recado… tenham uma boa noite e até a semana que vem.

O Art Rock fica por aqui… o programa teve a produção de Vidal Costa e de Beto Bittencourt, a apresentação de Vidal Costa e a edição de Reinaldo Vilas Boas… obrigado pela audiência e continuem na É Paraná, 97.1… visite o nosso Blog em https://artrock.wordpress.com que foi idealizado e é administrado pela nossa querida amiga Ana Barbara Vicentin, lá você poderá fazer downloads do conteúdo do programa e também deixar o seu recado… tenham uma boa noite e até a semana que vem.”

* * * * * * * * * * * * * * * * * * * * *

DARYL HALL & ROBERT FRIPP

BG – SACRED SONGS

1. BABS AND BABS – 7:50

2. URBAN LANDSCAPE – 2:23

3. NYCNY – 4:36

4. SURVIVE – 6:41

5. WITHOUT TEARS – 2:54

BG – WHY WAS IT SO EASY

TOTAL – 24:25

ROBERT FRIPP & DARYL HALL

BG – BREATHLESS (DISC 2)

6. PREFACE – 1:15

7. YOU BURN ME UP I’M A CIGARETTE – 2:23

8. BREATHLESS – 4:39

9. NORTHSTAR – 3:14

10. CHICAGO (DISC 2) – 2:17

11. DISENGAGE II – 2:44

12. NEW YORK, NEW YORK, NEW YORK (DISC 2) – 2:18

13. EXPOSURE (ALTERNATE) – 4:28

14. MARY (ALTERNATE) – 2:09

BG – WATER MUSIC I / HERE COMES THE FLOOD

TOTAL: 25:24

TOTAL GERAL – 49:59

Ouça o Art Rock com Daryl Hall & Robert Fripp que foi ao ar no dia 03/06/2017, clicando aqui.