Arquivo de The Nice

The Nice & Keith Emerson

Posted in Programas with tags , on 01/04/2016 by Artrock

“Boa noite, hoje teremos um programa para homenagear um dos maiores tecladistas da história do rock… o insuperável Keith Emerson.

1

Naturalmente não poderíamos deixar de registrar essa que foi mais uma perda incompreensível do começo do ano de 2016… entre as muitas lendas que deixaram nossa inqualificável realidade, Keith Noel Emerson era um dos que melhor sintetizava toda a extensão do prog. rock… tanto em seu virtuosismo e também em seus excessos.

Seu grupo mais famoso, o Emerson, Lake & Palmer, é uma presença obrigatória em nosso programa e na discoteca de qualquer admirador do progressivo, bem como do próprio rock dos anos 70… e a história desce grupo nascido em 1970 é bem conhecida e dispensa repetições… por isso vamos trazer o grupo em que Keith explodiu para o cenário internacional: o extraordinário The Nice.

2

Formado em 67, junto de Lee Jackson e David O’List, como banda de apoio da cantora P.P. Arnold, o Nice logo transcenderia todos os limites, tornando-se a vanguarda de uma nova linguagem, em que a tradição da música orquestral e sinfônica passava a dialogar sem reservas nem limites com o rock… vamos ouvir um pouco da mágica de Keith Emerson, no tempo em que a música ainda tinha uma chance de mudar o mundo.

Vocês ouviram “America”, “Rondo”, “Acceptance “Brandenburger” (3rd. Movement) e “Hang on to a Dream”, essa última uma cover do grande Tim Hardin.

A gente volta já…

* * * * * * * * * * * * * * * * * * * * *

E nós vamos continuar trazendo um pouco de um raro talento que preferiu escolher a hora de deixar o grande palco, no dia 10 de março de 2016.

3

Nascido em Yorkshire, na Inglaterra, Keith Emerson, começou a estudar o piano aos 8 anos de idade e na adolescência já transitava entre as Sonatas de Beethoven e o rock de Jerry Lee Lewis… uma dicotomia que sempre o acompanharia… e que se tornaria ainda mais dominante depois que o Nice tomou forma definitiva com a entrada do baterista Brian Davidson, passando a explorar as possibilidades do rock sinfônico.

Ao mesmo tempo, Keith Emerson se tornava um fenômeno em si mesmo, com uma performance alucinante, em que tornava o piano, o órgão hammond e, por último, o moog uma verdadeira tela em branco onde descarregava uma explosão de gestos e movimentos em improvisações que tinham tanto de musical quanto de visual e influenciariam todos os tecladistas de rock que o seguiram… nos mais diversos estilos.

4

Seu retorno com o ELP nos anos 90 rendeu tours concorridas, e a ele seguiu-se um outro retorno, com o Nice em 2002, para shows que renderiam o álbum triplo “Vivacitas”, que contava com os amigos Lee Jackson e Brian Davidson… depois Keith continuaria ativo… até outra tentação ser mais forte… mas é um pouco do último grande trabalho do Nice que nós vamos trazer nessa segunda parte do programa de hoje.

Vocês ouviram o Nice de Keith Emerson com duas covers antológicas do Emerson, Lake & Palmer… primeiro foi a versão integral da clássica “Tarkus” e depois “Hoedown”.

O Art Rock fica por aqui… o programa tem a produção de Vidal Costa e de Beto Bittencourt, a apresentação de Vidal Costa e a edição de Abílio Henrique… obrigado pela audiência e continuem na É Paraná, 97.1… visite o Blog do Art Rock em https://artrock.wordpress.com… ele foi idealizado e é administrado pela nossa querida amiga Ana Barbara Vicentin Volpão… lá você pode fazer downloads do conteúdo do programa e deixar o seu recado… tenham uma boa noite e até a semana que vem.”

* * * * * * * * * * * * * * * * * * * * *

THE NICE

BG – THE THOUGHTS OF EMERLIST DAVEJACK

1. AMERICA/SECOND AMENDMENT – 6:15

2. RONDO – 8:21

3. ACCEPTANCE “BRANDENBURGER” (3RD MOVEMENT) – 4:26

4. HANG ON TO A DREAM – 4:46

BG – FOR EXAMPLE

TOTAL – 23:48

THE NICE

BG – FANFARRE FOR THE COMMON MAN

5. TARKUS – 21:00

6. HOE DOWN – 5:06

BG – A CAJUN ALLEY

TOTAL: 26:06

TOTAL GERAL – 49:54

Ouça o Art Rock com The Nice & Keith Emerson que foi ao ar no dia 26/03/2016, clicando aqui.

Especial 15 anos

Posted in Programas with tags , , on 24/12/2012 by Artrock

“Boa noite, o Art Rock está entrando no ar, trazendo uma hora com o melhor do rock progressivo, uma das mais criativas tendências do rock e que, ao contrário do que muitos pensam, continua em plena atividade…

Pois é, com essas palavras, 15 anos atrás, eu, Vidal Costa, e o meu amigo Beto Bittencourt, demos início a uma viagem que não imaginávamos que duraria tanto tempo… na época o Art Rock fazia parte do horário de Todos os Caminhos do Rock, junto com outros programas que dominavam as noites de sexta-feira…

OLYMPUS DIGITAL CAMERA

No começo a nossa “hora progressiva” era dividida em três blocos… mas isso mudaria com o tempo, assim como os horários em que o programa foi apresentado e até a sua duração, que chegou a ser de apenas meia hora por um breve período… mas, desde o começo, algumas coisas foram constantes… entre elas a nossa dedicação, e é claro o tema do programa, com o insuperável King Crimson.

E nós vamos começar esse programa especial trazendo justamente essa faixa clássica do álbum “Larks’ tongues in aspic”… um dos clássicos do King Crimson, que acabou de ser relançado em uma edição que é um verdadeiro presente de Natal para os fãs… uma caixa com 15 discos (!!) reunindo todas as gravações do álbum… vamos conferir um pouco de uma das versões alternativas desse que é o tema do Art Rock, que tem nos acompanhado nesses anos todos…

Vocês ouviram “Larks’ tongues in aspic” com o King Crimson, faixa título de um dos melhores álbuns do grupo… aqui em uma versão alternativa extraída da box set “Larks’ tongues in aspic: the complete recordings”, lançada em 2012.

A gente volta já…

* * * * * * * * * * * * * * * * * * * * *

E agora como é nosso aniversário e o Natal também está se aproximando, vamos trazer um dos presentes do ano… o álbum “Americana” do grande Neil Young.

Americana

Desde o começo o Art Rock sempre optou por reconhecer uma visão ampla da progressividade, reconhecendo não a miopia de um progresso de mão única, mas antes a ideia da pangressão em todas as direções… recuperando a matriz da música progressiva nos ano 60, quando o folk rock e o country conviviam com o nascente heavy metal… banjos e mandolins ecoavam ao lado das primeiras investidas eletrônicas… e as guitarras distorcidas passaram a poder ser ouvidas junto das orquestras sinfônicas.

E se há alguém que sempre convergiu as linguagens no mundo do rock… é o indestrutível Neil Young… que lançou em 2012 sua grande homenagem a essa música que surgiu na encruzilhada dos anos 60, com um álbum onde a força do grupo Crazy Horse aparece intacta, torcendo clássicos tradicionais em versões que lhes conferem uma renovada dimensão contestadora.

O velho Neil vai do country ao gospel… mas ele deixa uma surpresa para o fim: uma versão para “God Save the Queen”, que nos lembra que, como canadense, ele é um súdito de sua majestade… no vídeo, a rainha é mostrada vestida como Miss Liberty… mas Neil Young não podia deixar por menos e, nessa versão, o hino britânico aparece junto a “My country ‘tis of thee”, o primeiro hino americano, que usava a mesma música, mas com a letra composta por Samuel Francis Smith em 1831…

Queen Elizabeth Miss Liberty - Shepard-Fairey

Vocês ouviram “Clementine”, “Tom Dula”, “Gallows Pole”, “High Flyin’Bird”, “Wayfarin’Stranger”e “God Save the Queen”… com Neil Young.

O Art Rock de aniversário e de Natal fica por aqui… o programa teve a produção de Vidal Costa e Beto Bittencourt, a apresentação de Vidal Costa e a edição de Abílio Henrique… obrigado pelos 15 anos de audiência e continuem na É Paraná, 97.1… visite o nosso Blog em https://artrock.wordpress.com que foi idealizado e é administrado pela nossa querida amiga Ana Barbara Vicentin Volpão… lá você pode fazer downloads do conteúdo do programa e também deixar o seu recado… e já que o mundo não acabou no dia 21, só nos resta dizer: até a semana que vem… mas vamos encerrar esse programa especial com um bônus, a primeira faixa que nós tocamos aqui no Art Rock… “America”, com o glorioso The Nice de Keith Emerson.”

* * * * * * * * * * * * * * * * * * * * *

KING CRIMSON

BG – LARKS TONGUES IN THE ASPIC (Part II)

1. LARKS TONGUES IN THE ASPIC (Part I – alternate version) – 11:12

BG – BOOK OF SATURDAY

TOTAL – 11:12

NEIL YOUNG

BG – OH SUSANNAH

2. CLEMENTINE – 5:42

3. TOM DULA – 8:13

4. GALLOWS POLE – 4:15

5. HIGH FLYIN’ BIRD – 5:30

6. WAYFARIN’STRANGER – 3:07

7. GOD SAVE THE QUEEN – 4:08

BG – JESUS’ CHARIOT

TOTAL – 30:55

THE NICE

8. AMERICA – 6:05

TOTAL GERAL – 48:07

Ouça o Art Rock com o Especial 15 anos que foi ao ar no dia 22/12/2012, clicando aqui.

* * * * * * * * * * * * * * * * * * * * *

Art Rock especial 10 anos de aniversário

Posted in Programas with tags , , , , on 11/08/2010 by Artrock

Neste post, resgatamos um programa especial que foi ao ar no 10º aniverário do Art Rock, para que todos possam conhecer ou relembrar a história do programa:

“Boa noite, hoje teremos um programa diferente, pois estamos comemorando uma data especial… numa sexta feira, dia 18 de dezembro de 1997 nós estávamos começando uma viagem… e nem fazíamos idéia que seria tão longa… e esse é o nosso jeitinho de celebrar os 10 anos do Art Rock…

O programa começou no saudoso horário de Todos os Caminhos, nas sextas-feiras de Rock aqui na Educativa… na época eu e o Beto dividíamos a nossa “hora progressiva” em 3 blocos e, na nossa estréia, a gente trouxe uma seleção variada que resolvemos repetir hoje para vocês que estão aí nessa madrugada e são ouvintes do nosso programa…

Há 10 anos nós tentamos mostrar que o progressivo esta bem vivo… e essa viagem começou trazendo 3 três bandas dos anos sessenta ligadas ao rock psicodélico, mas fundamentais para a invenção da linguagem progressiva… primeiro The Nice do grande tecladista Keith Emerson… depois o Procol Harum, de Gary Broker e Robin Trower… e, para fechar, os Moody Blues… confiram esse momento em que a psicodelia começava a progredir em todas as direções…

Uma década no ar não é uma coisa que aconteça sempre… mas a nossa comemoração tem que ser modesta, pois nesse tempo todo nunca tivemos patrocínio… mantemos o Art Rock no ar por puro amor à arte… e vamos continuar em frente, pois, como disseram os 4 sábios cabeludos de Liverpool… all you need is Love…

Abrindo esse programa especial de aniversário vocês ouviram “America” com o Nice, seguida de “Ramblin’on” com o Procol Harum, faixa do álbum “Shine on Brightly” e depois “Legend of a Mind”, faixa dos Moody Blues dedicada ao genial Timothy Leary… o Art Rock volta já.

* * * * * * * * * * * * * * * * * * * * *

Agora vocês ficam com uma faixa do álbum “Keys To Ascension 2”, do Yes, que tinha acabado de sair há 10 anos atrás e nós trouxemos no nosso programa de abertura para mostrar a sobrevivência do prog. rock até em grandes grupos que tinham andado experimentando sons mais comerciais, mas estavam voltando a sua melhor forma… vamos lembrar este belo momento progressivo dos anos 90… e lembrem-se que, hoje, o Art Rock vai ter 3 partes… reproduzindo o seu formato inicial, quando surgiu para integrar o saudoso horário de Todos os Caminhos do Rock.

Vocês ouviram “Mind Drive”, com o Yes, faixa do álbum “Keys To Ascension 2”, onde eles concluíram a experiência iniciada no outro duplo, de mesmo nome, lançado no ano anterior… já voltamos com a última parte do programa de hoje.

* * * * * * * * * * * * * * * * * * * * *

E para fechar esse especial dos 10 anos do Art Rock… vamos trazer, como fizemos no nosso programa de estréia, um dos grandes nomes do progressivo italiano: Quella Vechia Locanda… grupo foi formado em Roma no ano de 72… com um som dominado por uma rica instrumentação de flauta, violinos e teclados.

Nós selecionamos faixas de seus álbuns “Quella Vechia Locanda” e “Il Tempo De La Gioia”…

Vocês ouviram “Prologo”, “Vila Doria Pamphilli” e “A forma di”, com o Quella Vechia Locanda.

O especial de aniversário do Art Rock fica por aqui… mas, ao contrário de 10 anos atrás, não vamos poder chamar os nossos velhos companheiros… a zumbizada psychobilly do genial “Transilvânia Express”… só podemos agradecer a sua audiência… e também ao nosso amigo e ouvinte de primeira hora, Almir Santos, que foi quem lembrou esses dois velhos prog. heads que o programa já estava para fazer uma década no ar… obrigado a todos que ficam nos ouvindo até essa hora da madrugada, tenham uma boa noite e continuem com a Paraná Educativa… 97,1. Até a semana que vem.”

* * * * * * * * * * * * * * * * * * * * *

BLOCO 1

1. AMERICA – THE NICE – 6:15

2. RAMBLIN’ ON – PROCOL HARUM – 4:31

3. LEGEND OF A MIND – MOODY BLUES – 6:36

BLOCO 2

4. MIND DRIVE – YES – 18:38

BLOCO 3

5. PROLOGO – 4:56

6. VILA DORIA PAMPHILLI – 5:27

7. A FORMA DI – 4:07

TOTAL – 50:30

Ouça o Art Rock especial  10 anos de aniversário, que foi ao ar no dia 23/12/2007, clicando aqui.

* * * * * * * * * * * * * * * * * * * * *

Terreno Baldio & The Nice

Posted in Produto Nacional, Programas with tags , on 04/06/2008 by Artrock

Para começar, estrearemos o blog com o Art Rock do Terreno Baldio & The Nice, edição 255, qe foi ao ar no dia 25/05/2008:

“Boa noite, depois de uma longa ausência, hoje vamos contar mais uma vez no nosso programa com a presença das nossas amigas… as gêmeas progressivas… Ana Paula e Ana Bárbara Vicentin…

Na nossa participação de hoje falaremos um pouco sobre um dos mais importantes grupos do progressivo nacional, o Terreno Baldio, que se apresentou no último dia 26 de abril na Virada Cultural em São Paulo, junto com outros grupos progressivos, como Casa das Máquinas, Mutantes, O Terço e o Som Nosso de Cada Dia.

Surgido no ano de 74, o lendário grupo paulista era formado por João Kurk nos vocais, flauta e percussão, Roberto Lazzarini nos teclados, que dividiu estúdios e palcos com nomes como Made in Brazil e Ronnie Von, além de Joaquim Corrêa na bateria, João Ascenção no baixo e completando a formação, Mozart Mello como segundo vocal e guitarrista. O grupo fazia uma música conceitual, enfatizando a liberdade e a natureza.

Em 75 o Terreno Baldio lançou pela gravadora Pirata o primeiro LP, batizado com o nome da banda. Mas as gravações originais desse álbum foram perdidas, impedindo novas prensagens, além da primeira de apenas 3.000 cópias. Nesse trabalho, um dos grandes impactos está na qualidade vocal de João Kurk, que com sua entonação característica de agudos excepcionais, associada a uma estrutura musical muitas vezes densa, fez o álbum obter grande sucesso ao vivo, quando apresentado no famoso festival Banana Progressiva. Receberam inclusive, em pesquisas realizadas pela Folha de São Paulo, o mérito de crítica como os melhores do ano de 76.

Ainda em 76, o Terreno Baldio lançou o LP “Além das Lendas Brasileiras”, com o tema das faixas sobre o folclore brasileiro exigido pela gravadora para fechar o contrato. Na ocasião, João Ascenção saiu do grupo, participando em seguida do retorno dos Secos e Molhados em 78. Então, Rodolfo Ayres Braga do Joelho de Porco o substituiu para as gravações do LP de 76.

Em 78 o grupo encerraria as atividades, mas em 93 Kurk, Mello e Lazzarini se reencontraram, agora junto com Renato Muniz no baixo e Ricardo Brasa na bateria, para refazer o primeiro trabalho, só que com as letras cantadas em inglês e algumas faixas extras. O primeiro disco de 75 também ganhou uma versão em CD no ano de 2003.

Fiquem agora com um pouco da genialidade do Terreno Baldio…

Vocês ouviram as faixas “Água que corre”, “Este é o Lugar” e “Grite” do primeiro trabalho de 75, “Terreno Baldio”. Depois foram “Passaredo”, “Primavera” e “Negrinho do Pastoreio”, do segundo trabalho de 76, “Além das Lendas Brasileiras”.

O Art Rock volta já…

* * * * * * * * * * * * * * * * * * * * *

E agora vamos homenagear o baterista de um grupo lendário que foi um dos responsáveis pela criação da linguagem progressiva… Brian Davidson, do genial The Nice, que viajou para muito longe da nossa pálida realidade nesse último dia 15 de abril…

Brian começou sua carreira em grupos pop como o Mark Leeman Five e The Habits, mas ele só se tornaria conhecido quando entrou para o Nice em 67, completando o time junto com o baixista e vocalista Lee Jackson e, é claro, com o grande tecladista Keith Emerson… com quem manteria uma furiosa rivalidade de palco… ambos disputando a atenção do público com suas performances viscerais…

Depois do fim do Nice, Brian Davidson formou o Every Which Way com o vocalista Grahan Bell, antes de formar outro grande grupo de vida curta, o Refugee… que acabou quando seu genial tecladista, o grande Patrick Moraz, decidiu que se daria melhor entrando para o Yes…

Brian Davidson passaria os anos seguintes no anonimato, dedicando-se ao ensino da percussão e tocando apenas em grupos de blues e jazz… só em 2002 ele voltaria a encontrar seus velhos companheiros na celebrada tour de reunião do Nice, que rendeu o álbum triplo “Vivacitas”… mas nós selecionamos material mais antigo, extraído dos álbuns “The Nice” e “Ars Longa Vita Brevis”… e esse último é uma escolha apropriada, pois o seu nome é o velho ditado latino que nos lembra que a vida não dura tanto quanto a arte…

Vocês ouviram The Nice, abrindo com “Intermezzo From The Karelia Suite”, faixa inspirada na composição de Sibelius… depois foi “Acceptance Brandenburger (3rd Movement)”, inspirada nos Concertos de Brandenburgo de Johan Sebastian Bach… na seqüência foi “Hang on to a Dream”, uma cover do grande Tim Hardim… e, para fechar, “Diary Of An Empty Day”.

Art Rock fica por aqui… agradecemos a presença da Ana Bárbara e da Ana Paula Vicentin… The Prog Twins… que produziram e apresentaram a primeira parte do programa de hoje… aos ouvintes obrigado pela audiência, tenham uma boa noite e continuem com a Paraná Educativa… 97,1.

Até a semana que vem.”

* * * * * * * * * * * * * * * * * * * * *

Set list:

TERRENO BALDIO

BG – QUANDO AS COISAS GANHAM VIDA – 2:03

TERRENO BALDIO – 1975

1. ÁGUA QUE CORRE – 4:49

2. ESTE É O LUGAR – 7:09

3. GRITE – 5:02

ALÉM DAS LENDAS BRASILEIRAS – 1976

4. PASSAREDO – 2:57

5. PRIMAVERA – 3:29

6. NEGRINHO DO PASTOREIO – 3:50

BG – CURUPIRA – 5:05

TOTAL – 26:36

THE NICE

BG – 4TH MOVEMENT DENIAL

1. INTERMEZZO FROM THE KARELIA SUITE – 8:57

2. ACCEPTANCE BRANDENBURGER (3RD MOVEMENT) – 4:27

3. HANG ON TO A DREAM – 4:46

4. DIARY OF AN EMPTY DAY – 4:41

BG – 2ND MOVEMENT REALIZATION

TOTAL – 23:51

GRAND TOTAL – 49:27

Para quem quiser ouvir o programa do Terreno Baldio & The Nice, que foi ao ar no dia 25/05/2008, ele pode ser baixado clicando aqui.

* * * * * * * * * * * * * * * * * * * * *