Arquivo de Wishbone Ash

REPRISE: Wishbone Ash

Posted in Programas with tags on 13/03/2015 by Artrock

Olá ouvintes do Art Rock! O programa da semana passada (dia 07-03-2015), foi um reprise com o Wishbone Ash. Confiram este programa clicando aqui!

Vocês também podem acessar o link do programa diretamente aqui.

wishbone-ash

wishbone-ash-argus

wishbone-ash-bona-fide

wishbone-ash-clan-destiny

REPRISE: Wishbone Ash

Posted in Programas with tags on 16/04/2013 by Artrock

Olá ouvintes do Art Rock! O programa da semana passada (dia 13-04-2013), foi um reprise com o Wishbone Ash. Confiram clicando aqui!

E aqui, o link com o áudio atualizado do programa.

 

Wishbone Ash

Wishbone Ash - Clan Destiny

Wishbone Ash - Bona Fide

Wishbone Ash  - Argus

 

Wishbone Ash

Posted in Programas with tags on 26/10/2011 by Artrock

” Boa noite, o programa de hoje será com uma das lendas vivas do rock, o veterano grupo inglês Wishbone Ash.

Como já faz algum tempo que não trazemos esse grande grupo no programa, vale lembrar que ele foi fundado em meados dos anos 60, pelo baterista Steve Upton e pelo baixista e vocalista Martin Turner… e eles chegaram a se chamar Empty Vessels e Tanglewood, antes de tomarem forma definitiva com a entrada dos guitarristas Ted Turner e Andy Powell… a essa altura, eles tinham se mudado para Londres e adotado o bizarro nome de Wishbone Ash, isto é: Cinzas do Ossinho da Sorte…

O estilo característico do grupo, com os climas épicos e as guitarras dobradas, a meio caminho entre o heavy e o progressivo, já era sensível nos álbuns “Wishbone Ash” de 1970 e “Pilgrimage” de 71… mas atingiria o seu ponto alto no seu trabalho seguinte, clássico álbum “Argus”… formando uma trilogia de discos que influenciaria grandes bandas como o próprio Iron Maiden.

Além das duas guitarras, que também se tornariam a sua marca registrada, o Iron adotaria o andamento marcante do Wishbone Ash… a inconfundível “cavalgada” que pode ser sentida em muitas de suas faixas… e para essa primeira parte do programa nós vamos trazer um pouco do seu álbum de estreia e também do genial “Argus”, de 72, que acabou de ganhar uma edição remasterizada dupla simplesmente imperdível para qualquer bom prog. head…

Vocês ouviram o Wishbone Ash com “Errors of my way”, “The King will come”, “Warrior” e “Throw down the sword”…

A gente volta já…

* * * * * * * * * * * * * * * * * * * * *

E agora Ouçam agora um pouco do Wishbone Ash durante a sua fase mais recente, mostrando um pouco da vitalidade desse grupo que está longe de se aposentar.

Depois da mudança para os Estados Unidos em meados dos anos 70, o Wishbone Ash começou a perder terreno, apesar de conseguir se estabelecer no concorrido mercado americano… mas a identidade do grupo foi sendo comprometida com o entra e sai de músicos, mesmo sendo nomes de peso como John Wetton para o baixo, depois substituído por Trevor Bolder, e Claire Hamill para os vocais.

A volta de Martin e Ted Turner ajudaria a recuperar a imagem do Wishbone Ash, e a perseverança de Andy Powell manteria o grupo ativo mesmo depois que eles voltaram a sair para outros projetos, ainda nos anos 90… e, embora atualmente Andy seja o último membro remanescente da formação clássica, ele não parece nem um pouco interessado em se acomodar, continuando a lançar álbuns de estúdio frequentes e ainda fazendo excursões muito bem recebidas, que rendem discos ao vivo e DVDs.

Além disso, os fãs foram surpreendidos em 2007 pelo lançamento do álbum “First Light”… a versão original, a muito considerada perdida, do disco de estreia do Wishbone Ash, que havia sido gravada em 1970 e produzida por Ritchie Blackmore do Deep Purple… mas esse trabalho e também o novo álbum “Elegant Stealth”, de 2011, ficam para outro Art Rock… para fechar o programa de hoje nós selecionamos faixas de “Bona Fide” de 2002 e “Clan Destiny” de 2006…

Vocês ouviram o Wishbone Ash com “Bona fide”, “Come rain, come shine”, “Eyes wide open”, “Surfing a slow wave” e “Capture the moment”.

O Art Rock fica por aqui… o programa teve a produção de Vidal Costa e de Beto Bittencourt, a apresentação de Vidal Costa e a edição de Abílio Henrique… obrigado pela audiência, tenham uma boa noite e continuem na É Paraná, 97.1… visite o nosso Blog em https://artrock.wordpress.com… que foi idealizado e é administrado pela nossa querida amiga Ana Barbara Vicentin… lá você pode fazer downloads do conteúdo do programa e também deixar o seu recado… até a semana que vem.”

* * * * * * * * * * * * * * * * * * * * *

WISHBONE ASH

BG – QUEEN OF TORTURE

1.    ERRORS OF MY WAY – 7:01

2.    THE KING WILL COME – 7:05

3.    WARRIOR – 5:52

4.    THROW DOWN THE SWORD – 5:55

BG – PHOENIX

TOTAL – 25:53

WISHBONE ASH

BG – FAITH, HOPE AND LOVE

5.    BONA FIDE – 3:17

6.    COME RAIN, COME SHINE – 6:19

7.    EYES WIDE OPEN – 5:32

8.    SURFING A SLOW WAVE – 4:06

9.    CAPTURE THE MOMENT – 3:49

BG – THE RAVEN

TOTAL – 23:03

TOTAL GERAL: 48:56

Ouça o Art Rock com o Wishbone Ash que foi ao ar no dia 22/10/2011, clicando aqui.

* * * * * * * * * * * * * * * * * * * * *

UFO & Wishbone Ash

Posted in Programas with tags , on 05/05/2009 by Artrock

“Boa noite, hoje teremos no programa dois grandes sobreviventes do rock inglês, começando com o grande UFO, que voltou à atividade nos anos 90 e continua firme desde então.

O Unidentified Flying Object foi formado no final dos anos 60 por Phil Moog e e Pete Way, e começou como um grupo de boogie rock e blues inspirado no lado mais viajante do genial John Mayall, mas eles logo foram fazendo o seu disco voador subir cada vez mais alto, principalmente devido às alugações do guitarrista Mick Bolton… e as suas tendências para o space rock se tornariam dominantes nos primeiros trabalhos do grupo.

ufo-2-flying

Isso iria mudar a partir do seu quarto álbum, quando a entrada de Michael Schenker levou o UFO a se orientar para o rock pesado propriamente dito… onde alcançariam muita repercussão em meados dos anos 70, até começar a perder terreno no final da década, acabando por se separar em 83… e passar os anos seguintes com cada qual cuidando de um projeto diferente.

Mas a segunda formação do grupo voltou a se reunir na década de 90, lançando álbuns excelentes, e eles seguiram em frente mesmo depois que Michael Schenker resolveu deixar novamente o grupo… ele seria substituído pelo virtuoso Vinnie Moore, mas permaneceriam 3 membros da formação original: Phil Moog, Paul Raymond e Andy Parker… e eles estão com um novo trabalho, o álbum “Visitor”… mas ele fica para outro programa, por hoje vamos ouvir dois momentos do começo sideral da carreira do velho disco voador…

Vocês ouviram com o U.F.O. as faixas “Star Storm” e “Silver Bird” de seu álbum “UFO 2 – Flying”, último registro de estúdio do grupo com o seu primeiro guitarrista, Mick Bolton.

A gente volta já…

* * * * * * * * * * * * * * * * * * * * *

E agora vamos trazer um grupo dos anos setenta que teve alguns períodos de silêncio, mas nunca encerrou atividades e continua inabalável, o Wishbone Ash.

Fundado no final da década de 60 pelo baterista Steve Upton e pelo baixista e vocalista Martin Turner, o grupo usou os nomes Empty Vessels e Tanglewood, até a entrada dos guitarristas Ted Turner e Andy Powell, que dariam forma definitiva ao som… só então eles adotaram o nome Wishbone Ash e deram início a uma longa carreira, com muitas fases diferentes, mas sempre ocupando um lugar a meio caminho entre o heavy e o prog.

livedates3

E o seu som característico, acabaria sendo uma grande influência para os grupos de heavy metal surgidos no final dos anos setenta e oitenta… como o grande Iron Maiden, também usuário das guitarras dobradas que eram a marca registrada do velho Wishbone… para não falar do inconfundível ritmo… a sua “cavalgada”, que o Iron também adotaria.

Atualmente, Andy Powell mantém o grupo na ativa, com álbuns e tours freqüentes… seu mais recente disco de estúdio foi “The Power of Eternity”, de 2007… mas desde então houve o lançamento de mais um trabalho ao vivo, “Then Again”, mantendo a tradição de sempre oferecer um registro das apresentações do grupo, que costumam ser antológicas… e para o programa de hoje nós selecionamos faixas de “Live Dates III”, de 2001.

Vocês ouviram com o Wishbone Ash, “Errors Of My Way”, “Leaf and Steam” e “Phoenix”…

Art Rock fica por aqui… obrigado pela audiência, tenham uma boa noite e continuem na Paraná Educativa… 97,1.
Visite o Blog do Art Rock em https://artrock.wordpress.com, que é administrado pela nossa querida amiga Ana Barbara Vicentin… lá você vai poder fazer downloads do conteúdo do programa e deixar o seu recado…

Até a semana que vem.”

* * * * * * * * * * * * * * * * * * * * *

UFO

BG – PRINCE KAJUKU

1. STAR STORM- 18:55

2. SILVER BIRD – 6:55

BG – THE COMING OF PRINCE KAKUKU

TOTAL – 25:50

WISHBONE

BG – COME IN FROM THE RAIN

3. ERRORS OF MY WAY – 6:00

4. LEAF AND STREAM – 4:18

5. PHOENIX – 14:16

BG – PERSEPHONE

TOTAL – 24:34

GRAND TOTAL: 50:24

Ouça o Art Rock com UFO & Wishbone Ash, que foi ao ar no dia 03/05/2009, clicando aqui.

* * * * * * * * * * * * * * * * * * * * *